Florianópolis | 28/11/2019

MP abre inquérito sobre contrato com organização que administra creches



O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) abriu nesta terça-feira (27) inquérito para investigar o contrato com a Organização Social (OS) que administra duas creches na capital que foram inauguradas este ano. O Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Florianópolis (Sintrasem) afirmou que há reclamações das duas unidades de comida insuficiente para as crianças e problemas na estrutura.

A prefeitura informou que a OS ganhou um processo de seleção que e é fiscalizado pelo Tribunal de Contas e que agora vai tomar os procedimentos legais administrativos e, se necessário, judiciais para apurar possíveis irregularidades. Disse também que deve pedir à associação que se manifeste sobre as acusações e apure o fato. E ainda garantiu que nenhuma criança será prejudicada.